quarta-feira, 31 de março de 2021

Morre o vereador Batista Matos, vítima de complicações da Covid-19

O vereador João Batista Matos (Patriota) faleceu na manhã desta quarta-feira (31), em decorrência de complicações da Covid-19. Ele tinha 46 anos de idade e estava internado no Hospital São Domingos há cerca de um mês. Desde a semana passada, estava na UTI, depois que o quadro se agravou, tendo de ser intubado.

Batista havia se curado recentemente de um câncer e estava no seu primeiro mandato como vereador. Foi eleito em 2020, com 2.506 votos, tornando-se vice-líder do Governo Municipal, na Câmara. Ele é casado com a arquiteta Liana Ramalho, com quem tem dois filhos, Samuel e Daniel.

Em nota, o presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), lamentou profundamente a partida precoce do vereador:

“Batista era comunicador por excelência, dedicou sua vida trabalhando em diversos veículos de comunicação da cidade, e em 2020, conseguiu se eleger para seu primeiro mandato como parlamentar na Casa Legislativa, o qual vinha cumprindo com maestria e afinco. Se descobriu homem público após diversos trabalhos voltados para as comunidades da capital, se empenhando em causas nobres e sociais. Peço que Deus na sua infinita misericórdia, console e acalente os corações da sua esposa, Liana, da sua mãe Dona Clenir, dos seus filhos Samuel e Daniel, e dos amigos que ele construiu nesta jornada de vida”, frisou Osmar Filho.

O prefeito Eduardo Braide (Podemos) também lamentou o falecimento de Batista e decretou luto oficial em São Luís por três dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário