terça-feira, 7 de abril de 2020

Prefeitura de Paço do Lumiar monitora casos suspeitos de Coronavírus


Por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde(SEMUS), a Prefeitura de Paço do Lumiar, acompanha o número de casos de Coronavírus existente no município. Atualmente 5 casos da doença já foram confirmados.

Apesar da proximidade geográfica e áreas limítrofes com São Luís, onde se concentra a maior parte dos testes positivados para o Coronavírus, 152 no total, Paço do Lumiar, continuava "livre da doença", até a última sexta-feira (3), quando se confirmou o primeiro caso "positivo" para covid-19 no município. A secretária de Saúde do Município, Soraya Santana, avalia que, um número ainda baixo de casos confirmados em "Paço", tenha relação direta entre outros fatores com as ações preventivas adotadas pelo município.

"A pandemia é um estágio onde todos estão vulneráveis ao contágio devido à disseminação acelerada do vírus, o que ocorre através do contato com pessoas, objetos e superfícies contaminadas. Desta forma, avaliamos que a prefeitura foi hábil ao seguir passos do Governo do Estado, implantando medias baseadas no isolamento social visando reduzir este risco", diz a secretária.

Muito embora os casos confirmados e suspeitos não estejam diretamente relacionados à rede de saúde do município, a Vigilância Sanitária Municipal tem mantido contato diariamente com o Centro de Informações Estratégicas e Vigilância em Saúde (Cievs) da Secretaria de Estado da Saúde (SES), que identifica e notifica casos em todo o estado. "Nossa rede de atendimento no município presta atenção primaria aos nossos munícipes. Em caso de suspeitas, onde um possível paciente sintomático chegue a uma de nossas UBS’s, nossos profissionais estão aptos, a encaminha-lo, ou no caso o SAMU de Paço do Lumiar, removê-los para uma unidade de referência do Estado", explica a secretária.

De acordo com o último boletim divulgado pelo governo, já foram contabilizados 172 casos confirmados da doença no Maranhão. A prefeitura e SEMUS de Paço do Lumiar, orientam que é preciso que a população intensifique ainda mais, medidas de prevenção, como lavar as mãos com água e sabão ou utilizar álcool gel. "Estas medias de proteção individual se refletem positivamente no coletivo, de modo que o município reduza a curva de contaminação e tenhamos poucos casos da doença. Todos devem estar atentos a isso, e também, se possível não sair de casa sem maior necessidade, o isolamento social tem mostrado que assim é possível se salvar vidas", alertou Soraya Santana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário