sábado, 28 de dezembro de 2019

Dois Assaltantes são presos pela Polícia no Maiobão em Paço do Lumiar


Uma ação de forma rápida e coerente por meio dos policiais militares do 22º BPM, resultou na prisão de dois criminosos na região de Paço do Lumiar. Os suspeitos realizaram um assalto a mão armada contra três vítimas no bairro do Maiobão, mas foram denunciados, perseguidos e presos. A ação criminosa aconteceu nesta sexta-feira (27). Por volta das 06:00hs. Foram presos Joceilton Cantanhede Chagas, 26 anos, e Christyan Barroso Pereira, 30 anos. Com eles apreendidos uma arma de fogo, uma motocicleta, celulares, bolsas e dinheiro.

As informações repassadas pela Polícia Militar foram que os dois criminosos citados, Joceilton Cantanhede Chagas e Christyan Barroso Pereira realizaram um assalto na Rua 40, Maiobão, próximo à BR Gás em Paço do Lumiar. A polícia foi informada do assalto em andamento gerando em uma ocorrência contra os mesmos. De posse das características dos criminosos, a guarnição fez rondas e avistou os suspeitos, onde começou o acompanhamento tático.

Em meio ao acompanhamento os criminosos deflagraram disparos contra a guarnição que de imediato reagiu à injusta agressão. Os mesmos foram atingidos e caíram da moto e tentaram empreender fuga a pé, porém um logo foi rendido e o outro conseguiu empreender fuga, mas logo foi capturado juntamente com a arma de fogo. Ambos foram conduzidos ao plantão do Maiobão com alguns ferimentos leves para serem tomadas as medidas cabíveis.

Com os criminosos foram apreendidos, 01 revólver calibre 38, Taurus, capacidade 05 tiros, 03 munições deflagradas e 02 intactas. 01 Motocicleta Dafra, Modelo Apache Placa: NXE-5202, de cor Vermelha. 01 celular da marca Motorola Moto G 4, de cor Cinza. 01 Bolsa com 450,00 (Quatrocentos e cinqüenta reais) e documentos pessoais. 01 Bolsa com 40,00 (quarenta reais), e documentos pessoais. 01- Celular Samsung J4 Rosa. Após serem presos, eles foram conduzidos para a Delegacia do Maiobão, onde foram apresentados aos policiais civis, para ser realizado o devido flagrante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário