sábado, 22 de setembro de 2018

Professores de Paço do Lumiar participam de curso de educação ambiental


A Prefeitura de Paço do Lumiar, por meio da secretaria Municipal de Educação, e com o auxílio das secretarias de Agricultura e Meio Ambiente, realizou na última quinta-feira (20), um curso de educação ambiental para professores da rede pública de ensino. Cerca de 185 professores participaram da capacitação que funcionou em dois turnos, as aulas aconteceram no Instituto de Ensino Superior Franciscano (IESF). Nesta sexta-feira (21), um ato simbólico marcou o encerramento do curso e também o dia da árvore. Alunos, gestores, secretários municipais e o prefeito Domingos Dutra (PCdoB) realizaram o plantio de árvores frutíferas na UEB Bandeira Tribuzzi, no Maiobão.

O curso foi dividido em módulos, com palestras, nos quais foram abordados assuntos como bases conceituais da Educação ambiental, Educação ambiental no Brasil, política nacional de Educação ambiental, Educação ambiental na escola e práticas metodológicas (projeto e planejamento), elaboração de projetos, educação para sustentabilidade, biodiversidade, recursos hídricos e suas potencialidades e resíduos sólidos.

Segundo o prefeito Dutra, o objetivo foi discutir os princípios norteadores da Educação Ambiental e fomentar a reflexão no educador e na comunidade escolar, além de promover um espaço de diálogo sobre as problemáticas ambientais locais. "Um dos desempenhos mais respeitáveis da escola é sua força de influência e transformação em relação a conceitos da comunidade em que está inserida. Nesse contexto e, na temática ambiental, a escola oferece um impacto expressivo na sociedade", destacou o prefeito Dutra.

Para o secretário municipal de Educação, Paulo Roberto Soares, com o curso, o professor pode contribuir para a melhoria da qualidade de vida de todos. "O curso dá a base teórica para que o educador desenvolver projetos que vão contribuir para melhorar a realidade, tanto da escola, como na comunidade, gerando também novas posturas nos estudantes e demais pessoas", afirmou o titular da pasta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário