segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Prefeitura de São Luís avança com obras do Ecoponto na Cidade Operária

Com sete Ecopontos em pleno funcionamento, a Prefeitura de São Luís segue fortalecendo a política municipal de gestão dos resíduos sólidos com a implantação de um novo Ecoponto no bairro da Cidade Operária. Este será o oitavo Ecoponto entregue pelo prefeito Edivaldo para eliminar pontos de descarte irregular de resíduos sólidos na área. O Polo Cidade Operária já conta com o Ecoponto Jardim América.

O projeto de criação dos Ecopontos é uma determinação do Prefeito Edivaldo e desenvolvido para atender os geradores e transportadores de pequena quantidade de resíduos, com volumes inferiores a 2m³, transportados por veículos como pick-up, carrinhos de mão ou carroças. Os condutores de veículos de tração animal são os grandes usuários destas unidades, pois têm como principal atividade o transporte de resíduos.

Na Cidade Operária o Ecoponto fica localizado entre as avenidas Norte Externa, 103, Norte Interna e 203. Desde o início das obras a comunidade da Cidade Operária começou a ser mobilizada por meio de reuniões com moradores do bairro para apresentar o projeto dos Ecopontos, informar sobre sua finalidade, o porquê da escolha da área, entre outras informações. Também foram feitas ações porta a porta em parceria com entidades do bairro.

A presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Estrela, destaca que as obras de construção de um Ecoponto avançam com rapidez. "Toda a estrutura física de um Ecoponto é construída em, no máximo, 30 dias. É uma obra simples e rápida. Concluída a construção, começamos a preparar a inauguração para que a população possa usá-lo", disse.

A estrutura do Ecoponto Cidade Operária segue o modelo dos demais já em funcionamento. Cada Ecoponto conta com instalações sanitárias, estacionamento, setores de recebimento e acondicionamento temporário dos materiais e área de manobra de equipamentos e veículos, além da parte administrativa. O espaço conta ainda com quatro baias de alvenaria cobertas e sinalizadas, para a deposição do material coletado. As placas de identificação seguem os padrões definidos de coleta seletiva: amarelo para metal, azul para papel, vermelho para plástico e verde para vidro.

LIMPEZA URBANA

A limpeza urbana na Cidade Operária é feita de forma regular. A coleta domiciliar ocorre toda segunda, quarta e sexta no período noturno e apesar disso, o bairro tem diversos pontos de descarte irregular de resíduos sólidos, em grande parte, gerados através de reformas de pequeno porte, restos de poda e capina de origem domiciliar, ou ainda, móveis e eletrodomésticos velhos.

Hoje, a região da Cidade Operária já conta com o Ecoponto Jardim América, localizado na Avenida 03, ao lado da União de Moradores. O local foi inaugurado pelo Prefeito Edivaldo em março deste ano. Mas Carolina Estrela adianta que, conforme estudo prévio realizado, foi necessária a construção de mais um Ecoponto na região.

"Desde o início do projeto dos Ecopontos que a Cidade Operária está na nossa programação, mas só agora foi possível começar, de fato, a implantação de um Ecoponto no bairro. Em 2018, iremos construir outro na Cidade Olímpica, fechando uma bateria de Ecopontos naquela região onde a demanda é elevada devido ao contingente populacional", frisa Carolina Estrela.

FINALIDADE

Na medida em que oferecem alternativas ao descarte irregular, os Ecopontos também contribuem para a diminuição dos criadouros do mosquito Aaedes aegypti e, por consequência, das doenças causadas pelo inseto, como o zika vírus, o chikungunya e a dengue.

Nenhum comentário:

Postar um comentário