quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Prefeitura inaugura sexto Ecoponto e fortalece gestão de resíduos sólidos em São Luís

O prefeito Edivaldo entregou, nesta quarta-feira (6), o sexto Ecoponto para descarte adequado de material reciclável na capital. A entrega do mais novo equipamento público de limpeza urbana, localizado no bairro Jardim Renascença, integra a programação de comemoração do aniversário de 405 de São Luís. Com a abertura deste espaço, a Prefeitura de São Luís soluciona mais um problema de deposição irregular de lixo há anos verificado nessa área, fortalecendo a gestão de resíduos sólidos na cidade e promovendo mais qualidade ambiental à população.

Além do Ecoponto do Jardim Renascença, a Prefeitura de São Luís já entregou outros cinco equipamentos nos bairros Turu, Angelim, Bequimão, Jardim América e Avenida dos Africanos. "Nossa meta é fechar 2017 com 10 Ecopontos entregues na capital e iniciar no próximo ano um novo planejamento de execução desse importante projeto, para que possamos disponibilizar à comunidade uma nova leva de equipamentos de coleta seletiva de resíduos, estendendo a ação para novas áreas da cidade", afirmou o prefeito Edivaldo, que estava acompanhado da primeira-dama, Camila Holanda.

Além de destacar a importância da instalação desses equipamentos urbanos para a melhoria da qualidade ambiental da cidade, o prefeito Edivaldo ressaltou ainda os avanços conquistados na área do saneamento. O prefeito pontuou ações pioneiras implantadas com vistas ao cumprimento das metas estabelecidas pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), a exemplo do novo Aterro da Ribeira. O local hoje se destaca no gerenciamento de resíduos sólidos e orgânicos e em nada mais lembra o cenário de degradação humana e ambiental verificado anteriormente.

"Realizamos a ação de forma integrada com as cooperativas de reciclagem de lixo, que recebem todo o material reciclável coletado nos Ecopontos, promovendo, assim, o trabalho e a geração de renda entre os cooperativados", frisou Edivaldo.

Participaram também do ato de entrega do Ecoponto do Renascença, os secretários municipais Antonio Araújo (Obras e Serviços Públicos), Pablo Rebouças (Governo), Lula Fylho (Saúde), Jota Pinto (Articulação Política), Ivaldo Rodrigues (Agricultura Pesca e Abastecimento), Tati Lima (Informação e Tecnologia), José Cursino Moreira (Planejamento); e os vereadores Osmar Filho, Paulo Victor, Raimundo Penha, Joãozinho Freitas, Genival Alves e o presidente do Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Estado do Maranhão (Sinduscon-MA), Fábio Nahuz, entre outras autoridades.
   
DEMANDA
  
O Ecoponto do Jardim Renascença fica localizado na Rua Netuno, próximo à Paróquia de São Paulo Apóstolo, e vai atender à demanda de sete bairros da região: São Francisco, Renascença, Ponta do Farol, São Marcos, Jaracati, Calhau e Conjunto São Marcos.

Segundo a presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana de São Luís, Carolina Estrela, o espaço onde foi criado o Ecoponto no Renascença era uma área erma e degradada pela quantidade de descarte inadequado de resíduos. "Nos estudos de impacto ambiental e social que fizemos verificamos, inclusive, que além do grande volume de material que era descartado no local, as pessoas ateavam fogo na área, degradando ainda mais a vegetação. Com a criação do Ecoponto, sanamos de forma definitiva esse problema, transformando a área em um local ambientalmente melhor", observou Carolina Estrela.
  
Os Ecopontos integram as ações desenvolvidas pela Prefeitura de São Luís, executadas por meio do Comitê Gestor de Limpeza Urbana. Os equipamentos visam dar destinação adequada aos resíduos produzidos na cidade e contribuir para a proteção da saúde pública e a qualidade ambiental.

Os Ecopontos são espaços disponibilizados à população para entrega voluntária de materiais descartáveis e inservíveis que não são recolhidos pela coleta convencional de lixo. O espaço recebe todo tipo de resíduos que não entram na coleta diária, como entulhos da construção civil, utensílios domésticos e móveis velhos, por exemplo.

O projeto foi desenvolvido para atender os geradores e transportadores de pequena quantidade de resíduos, volumes inferiores a 2m³, transportados por veículos como como pick-up, carrinhos de mão ou carroças. Os condutores de veículos de tração animal serão os grandes usuários destas unidades, pois têm como principal atividade o transporte de resíduos de natureza semelhante.

COMUNIDADE
  
Entre os principais benefícios dos Ecopontos está o estímulo à conscientização da comunidade para o descarte correto dos resíduos e a preservação do meio ambiente. Grupos de estudantes de ensino fundamental de escolas públicas e privadas da capital prestigiaram o ato de inauguração do Ecoponto do Renascença, oportunidade na qual participaram de sorteio de brinquedos confeccionados com material reciclável.

Entre as crianças presentes estavam os estudantes Gilson Rabelo, 11 anos, e Letícia Coelho, 10 anos. "Nós estamos trabalhando na escola o livro paradidático com temática sobre a reciclagem de lixo e conhecer o trabalho realizado no Ecoponto foi muito importante para elaboração da nossa atividade. Achei o projeto muito legal porque garante mais limpeza para a cidade", observou Letícia.

Já o carregador José Domingos Câmara, 61 anos, trabalha há mais de 20 anos fazendo frete em sua carroça para transporte de resíduos. Ele considera a iniciativa como um grande estímulo à deposição adequada materiais descartáveis. "A Prefeitura está fazendo a parte dela e agora é a vez da população fazer a sua parte. Ter um local como este para descartar o material que carregamos é muito bom, pois muitas vezes passávamos pela humilhação e a vergonha de fazer o descarte em locais inadequados", observou ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário