quarta-feira, 22 de junho de 2016

‘Morto’ politicamente, Raimundo Filho passa vergonha no Porto do Mocajituba

Fracasso total! Não pode ser definida de outra forma o ato político organizado pelo ex-prefeito “tampão” Raimundo Filho [recém-filiado ao PT] realizado no último sábado (18) na comunidade do Porto do Mocajituba.

Apenas três gatos pingados foram ouvir o blá, blá, blá, típico discurso ensaiado recheado da mesma e velha lorota de sempre. Sem ter o que mostrar, restou ao petista expor uma foto ao lado do líder comunitário Domingos Babão, suplente de vereador que apoia Gilberto Arôso para prefeito.

Acabado politicamente em Paço do Lumiar, seu Raimundo amarga a rejeição popular na cidade onde não vale um ‘cibazol’. A humilhação que sofreu nas urnas na eleição de 2014, quando disputou uma vaga na Câmara Federal e obteve míseros  1.492 votos (3,79%) dentre os mais de 46 mil eleitores que compareceram às urnas, serviu para tirar o rótulo de liderança do aventureiro.

Filho sabe que não tem chance de chegar sequer em terceiro colocado nesta eleição; sem prestígio, sem votos e mais liso do que quiabo, busca na verdade, tentar ganhar visibilidade e, assim ser chamado para compor como vice de um dos candidatos de ponta: como o atual prefeito Josemar (PDT), Gilberto Arôso (PRB) ou Domingos Dutra (PCdoB).

Fonte: Domingos Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário