terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Falta de controle do REGIMENTO INTERNO da Câmara de Paço do Lumiar causa bagunça nas sessões

Foto Divulgação: Paulo Filho
Hoje dia 23/02/2016, mais uma vez não houve sessão na Câmara Municipal em Paço do Lumiar, isto mostra a falta e compromisso e responsabilidade de alguns representantes, no entanto, neste caso em especial parece que há uma peculiaridade, pois na sessão passada o presidente daquela casa negou baseando-se no “REGIMENTO INTERNO” um tempo a mais para o vereador Marinho do Paço para que o mesmo se defendesse com provas de uma armação que atingiu sua família.

Ocorre que o mesmo “REGIMENTO INTERNO” define o horário de início, assim como o tempo de tolerância nas sessões e sendo que, se deve cumprir o regimento “A RISCA”, o vereador “JORGE MARU” cobrou o cumprimento do mesmo “Regimento” que define a abertura da sessão às 9:00 horas, como cobrado caso da sessão anterior. E sendo que grande parte dos vereadores principalmente o que se dizem da “base aliada do prefeito” não estavam presentes, por falta de quórum a sessão foi suspensa demonstrando que os que cobram responsabilidade devem também imputar responsabilidade aos seus sobre as mesmas normas que regem aquela casa.

“A CASA DO POVO” se mostrou digna de dois ditados populares, pois no episódio do dia 18/02/2016 em que o Presidente da Casa Legislativa Leonardo Bruno exigiu o cumprimento do “REGIMENTO INTERNO” mostrou que: “DE BOAS INTENÇÕES O INFERNO ESTÁ CHEIO”, já no episódio de hoje 23/02/216 mostrou que “EM CASA DE FERREIRO O ESPETO É DE PAU”.

Escrito por: Sebastião Cavalcante
Edição e postagem: Paulo Filho

Nenhum comentário:

Postar um comentário