sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Secretaria de Segurança Pública apresenta balanço da operação Brasil Seguro no Maranhão

Trinte e seis autos de prisão em flagrante, mais de quartoze mil abordagens e 81 armas brancas e de fogo apreendidas este foi o balanço apresentado em coletiva à imprensa, nesta quinta-feira (19), da 2ª fase da operação Brasil Integrado. No Maranhão, foram empregados 1200 homens das Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT).

Durante os dias de operação, as forças do sistema de segurança intensificaram as ações em diversos pontos da região metropolitana de São Luis e do interior. Oito bloqueios foram montados em vários pontos de São Luis. Cinco pessoas foram presas pela Polícia Civil em cumprimento a mandados de prisão por homicídios e por roubo qualificado. Na lista do presos estão Fábio Coelho, Lúis Fernando  Cruz Rabelo, o “pixilinga”, Rafael Baldez Matos, Jherrysson Santos, o “filé” e Rafael Alexandre Silva.

“Esta é mais uma ação de integração entre as forças de segurança pública do estado. É mais uma prova de que, no Maranhão, os órgãos que compõem o Sistema Público de Segurança trabalham de forma planejada e conjunta no combate ao crime. Foram ações concentradas de caráter nacional e que trouxe resultados bastante satisfatórios”, pontuou o secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela.


 Operacionalização

As ações da operação foram desencadeadas além de São Luís, nas cidades de  Caxias, Timon e Imperatriz.As ações foram concentradas ainda nas entradas e saídas de São Luis, na qual foram apreendidas três armas de fogo durante a barreira montada no Terminal do Ponta da Espera.

“Saturamos vários pontos de São Luis, entre elas, o centro da capital, João Paulo, Areinha, São Bernardo, Cidade Operária a fim de fortalecer a presença da polícia e levar ainda mais a sensação de segurança para a população do estado”, comentou o coronel Marco Antônio AlvesDo total de apreensão foram encontradas 81 armas, sendo quatro de fogo e 77 armas brancas. Em relação as apreensões de drogas, equipes do 9º BPM durante a operação, estouraram um ponto de droga no bairro de João Paulo. Na ocasião, foram apreendidas 189 cabeças de crack, além desta 19 trouxinhas de maconha também foram apreendidas no Coroado.

Ainda durante a ação operacional do Brasil Integrado, equipes do Comando de Policiamento de Área Metropolitano III efetuaram a prisão de  Diego dos Santos, integrante de um grupo criminoso que age na capital envolvido com homicídios. Ele, de acordo com a PM, vinha aterrorizando moradores da Vila Muruaim, em Pedrinhas. Na operação foram presos, ainda, assaltantes, homicidas e envolvidos com outras práticas criminosas.  Além das ações operacionais direcionadas, a PM expediu 71 autos de Infração de Trânsito ( AITs) e foram recolhidos 81 veículos.

Participaram ainda da entrevista, o comandante geral do Corpo de Bombeiros do Maranhão, coronel Célio Roberto, o delegado geral de Polícia Civil, Augusto Barros; Paulo Guedes, superintendente adjunto da Polícia Rodoviária Federal; Ismael Petruz, da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT).

Nenhum comentário:

Postar um comentário