segunda-feira, 22 de junho de 2015

Operação Lei Seca prende motorista em flagrante com arma de uso restrito

Foto 1 arma apreendida - Lei SecaA Operação Lei Seca, executada pelo Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran) neste penúltimo fim de semana das festas juninas, em São Luís, fiscalizou motoristas em relação à mistura de álcool e direção e combateu outras práticas, como o porte ilegal de armas.

Uma pistola Taurus PT100, de calibre ponto 40, com numeração raspada e mais dez munições intactas, de uso restrito, foram apreendidas durante a blitz, realizada na noite de sábado (20), na Avenida Daniel de La Touche, entre o Ipase e Maranhão Novo. O motorista em poder da arma furou o bloqueio policial. Na perseguição que se seguiu, o carro do motorista em fuga acabou colidindo com outro veículo, facilitando a prisão. O motorista, identificado por Kerliton Chagas França, juntamente com o passageiro Raílson Mendes Pereira, foram conduzido para o plantão de Polícia no Cohatrac. França foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma. Na delegacia foi constatado que ele é foragido da Justiça, por homicídio qualificado.

No total, três pessoas foram presas, na operação Lei Seca deste fim de semana. Um motorista foi detido por alcoolemia, resultado do teste com etilômetro, e um terceiro foi autuado em flagrante por portar uma CNH falsa. O mesmo motorista havia sido autuado em uma blitz anterior por dirigir automóvel sem placas. O automóvel do condutor, um carro de alto padrão, modelo BMW, foi recolhido para o pátio do Detran.

“A cada fim de semana que passa acentuamos a importância para a sociedade da intensificação da blitz da Lei Seca dentro da política de segurança pública do governo Flávio Dino”, destacou o diretor geral do Detran, Antonio Nunes. “Cada motorista parado na fiscalização por suspeita de embriaguez é menos chance de um acidente de trânsito acontecer e provocar novas vítimas”.

Notificações: 25
Remoções: 10 (carros: 06; motos: 04)
Não licenciados: 06
Não habilitado: 02
Alcoolemia: 02 (não apresentou condutor)
Alcoolemia: 14 recusas e 01 crime

Documento falso: 01 CNH falsificada com uma pessoa presa

Nenhum comentário:

Postar um comentário