terça-feira, 7 de abril de 2015

Prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro, pode ser cassado por improbidade administrativa

O Prefeito de Paço do Lumiar, anda meio que escondido da população Luminense, fato é que seu mandato pode ser cassado a qualquer momento por improbidade administrativa, assim como já foi mostrado neste blog em outra matéria veja: Click aqui

Em uma negociata um tanto escusa, o prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro (PR) acabou tomando uma atitude que pode lhe custar o próprio cargo.

Ocorre que o terreno onde foi construído o Shopping Pátio Norte, chamado indevidamente de ‘Shopping ribamarense’, pertence ao município de Paço do Lumiar, mas a obra foi regulamentada em São José de Ribamar.

Ainda não se sabe porém, que tipo de acordo existe entre os prefeitos Josemar de Paço, e GIl Cutrim (PMDB), de São José de Ribamar. Mas o novo empreendimento, inaugurado no último dia 18 de março e que reúne 124 lojas, vai render bons lucros e gerar uma boa renda ao município, tanto que o prefeito da cidade balneária já destacou o potencial econômico e o crescimento que o Shopping trará ao município de Ribamar.

Fica claro que o todo esse potencial traria bons resultados à Paço do Lumiar, com a geração de renda e emprego na cidade, já que o terreno ‘pertencia’ por lei ao município.

O prefeito Josemar já deve imaginar que esse tipo de ato ilegal submete-o à improbidade administrativa por que contraria os princípios básicos da Administração Pública. Este é mais um cometido no exercício de sua função e por conta desse acordo ele pode até ser cassado.

Mais uma vez o município de Paço do Lumiar perde a oportunidade de contribuir com o crescimento econômico de sua sede e seu povo por conta dos desmandos de seu gestor. Os bons frutos serão colhidos pela administração pública de São José de Ribamar que recebeu o presente de bandeja.


Fonte: Blog do Minard

Nenhum comentário:

Postar um comentário