segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Passarela do Samba no Anel Viário recebe primeiro dia de desfile das escolas de sambas

A Passarela do Samba de São Luís foi tomada neste domingo de Carnaval pelo ritmo cadenciado dos Blocos Organizados e pelas nuances multicoloridas das Escolas de Samba, no primeiro dia de apresentação das agremiações carnavalescas. Com o tema "Carnaval de Todos - Juntos Fazemos a Festa", a folia na passarela do Anel Viário é uma realização da Prefeitura de São Luís em parceria com o governo do Estado.

No primeiro dia de desfile das escolas de samba, apresentaram-se na Passarela do Anel Viário as agremiações Mocidade Independente da Ilha, Turma da Mangueira, Unidos de Ribamar, Túnel do Sacavém e Flor do Samba. Com muita empolgação, as escolas contagiaram o público e mantiveram a tradição de fazer um desfile alegre e com temáticas voltadas à cultura maranhense, suas lendas e suas personalidades mais emblemáticas.

Os Blocos Organizados também marcaram o domingo de carnaval na passarela do Anel Viário, com suas indumentárias coloridas e a percussão contagiante de seus instrumentos. Apresentaram-se os blocos Dragões da Madre Deus, Unidos de São Roque, Pau Brasil, Os Cobras das Estrelas, Unidos da Vila Isabel e Turma do Saco.
A organização dos desfiles e concurso da Passarela do Samba é uma realização da Fundação Municipal de Cultura (Func), em parceria com a Associação Maranhense de Blocos Carnavalescos (AMBC), União das Escolas de Samba do Maranhão(UESMA) e Associação de Blocos Tradicionais do Estado do Maranhão (ABTEMA). Este ano, o evento tem o patrocínio oficial da Ambev.

O presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func), Marlon Botão, acompanhou a apresentação dos blocos organizados e das escolas. Ele ressaltou a importância da parceria prefeitura-estado para o sucesso da festa. "Sem dúvida, o "Carnaval de Todos Nós" já é um sucesso e mostra que quando se trabalha junto em favor da cidade e do cidadão tudo dá certo", disse.

A festa na Passarela do Samba se estende até terça-feira (17), com os desfiles das alegorias de rua e dos blocos afro. Mais de 60 mil pessoas são esperadas durante todo o evento, entre visitantes e brincantes das agremiações. Até agora, cerca de 50 manifestações culturais já se apresentaram na Passarela do Samba no Carnaval deste ano, dentre blocos Afro, Organizados e Tradicionais; Tribos de Índios, Turmas de Samba e Escolas de Samba, além de grupos de Tambor de Crioula.

O professor de História, Alfredo Borges de Lima, 42 anos, chegou com sua familia à Passarela do Samba desde o inicio da noite. "Queremos acompanhar o máximo de apresentações possíveis. É bom prestigiar e valorizar nossa cultura e nossas tradições", disse.


No desfile desta segunda-feira (16), passam pela passarela os Blocos Tradicionais Os Gorgeadores, Sambistas Caroçudos, Canto Quente, Os Liberais, Beatos do Samba e Mocidade de Fátima. Logo após passam pela passarela do samba as escolas Terrestre do Samba, Império Serrano, Marambaia, Favela do Samba e a Turma do Quinto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário